TikTok removeu 49 milhões de vídeos por violação de conteúdo

O TikTok removeu mais de 49 milhões de vídeos de usuários em todo o mundo, entre os dias 1º de julho e 31 de dezembro de 2019, devido a violações de conteúdo. A informação está em um relatório de transparência divulgado pela empresa nesta quinta-feira (9).

Segundo o aplicativo, as remoções foram motivadas pela violação das diretrizes da comunidade ou dos termos de serviço da plataforma. Um quarto delas era relativa a conteúdos com “nudez de adultos e atividades sexuais”, enquanto outro quarto foi excluído por “representar comportamentos prejudiciais, perigosos ou ilegais por menores”. Discurso de ódio e assédio representaram 1% e 3% das gravações retiradas, respectivamente.

Leia mais…

Socialize-se!
%d blogueiros gostam disto: