Operadoras unem forças no combate ao novo coronavírus

As operadoras de telecomunicações Algar, Claro, Nextel, Oi, TIM e Vivo divulgaram comunicado hoje, 20, no qual informam quais medidas estão tomando no combate ao Covid-19 e de que forma estão colaborando uma com a outra para garantir a conectividade dos usuários, uma vez que há perspectiva de mudança no perfil do tráfego de internet.

As empresas explicam que trabalham em diversas frentes: gestão de crise; operação de rede e serviços essenciais; informação e conscientização; entretenimento e cultura; atendimento e canais digitais; e gestão de pessoas.

No âmbito da gestão de crises, as teles criaram, cada uma, um comitê para avaliar os impactos da pandemia nos negócios, nas redes e nos serviços. Além disso, criaram um comitê supervisor, formado por integrantes de todas as empresas e gerido pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil). Este comitê é responsável pela interação das empresas com a Anatel e outros órgãos de governo.

Quanto à operação de rede, todas as empresas estabeleceram um regime de plantão permanente para equipes de implantação, instalação, reparo e manutenção de rede e serviços. Essas equipes vão operar de forma contínua para assegurar a continuidade dos serviços, resguardadas situações de risco à saúde de funcionários e clientes.

Na área de informação e conscientização, todas estão entregando acesso gratuito aos canais de notícias, a aplicativos de governo e autoridades sanitárias, com isenção de consumo de franquia de dados móveis. Também estão enviando SMS das autoridades para os usuários, sem custo para os órgãos públicos.

Mas também estão enviando aos clientes comunicados sobre o uso consciente da rede e atitudes que devem ser evitadas neste momento. “Em um momento em que toda a sociedade exigirá conexão para manter suas atividades mínimas, essenciais e necessárias; e sobre o uso racional de todos os demais recursos, incluindo remédios, máscaras, papel higiênico e itens de alimentação, de forma a garantir abastecimento a todos, principalmente a população mais carente e grupos de risco”, informam.

Todas as empresas também negociaram com programadoras de canais de TV paga o acesso livre a conteúdos. Na área dos atendimentos, as empresas afirmam que estão reduzindo gradualmente os pontos de venda, com fechamento de lojas e atendimento reduzido seguindo as orientações do poder público e de controle sanitário. Também estão expandindo os recursos dos canais digitais para emissão de segunda via e pagamento, recargas de créditos pré-pagos, solicitação de serviços e reparos emergenciais.

No quesito gestão de pessoas, todas as empresas suspenderam viagens, participação ou realização de eventos e encontros, limitaram as reuniões presenciais e priorizaram o trabalho a partir de casa. Também criaram comitê de comunicação e conscientização para esclarecer dúvidas e se comprometem a esvaziar prédios e lojas onde forem detectados casos de contaminação.

“Estamos vivendo um cenário sem precedentes, no qual temos que concentrar esforços na continuidade das atividades da sociedade, com estabilidade das redes e conexões, uso responsável de todos os recursos, preservação dos serviços, e, principalmente, proteção da saúde de nossa população”, acrescentam as empresas.

Ressaltam que a união dos esforços vai além da rivalidade. “Nesse momento, as empresas de telecomunicações estão deixando a competição em segundo plano, e têm o compromisso de atuar de forma conjunta para seguirem juntas na
implementação ágil dos serviços de telecomunicações necessários para o enfrentamento dessa crise de forma segura e efetiva”.

O post Operadoras unem forças no combate ao novo coronavírus apareceu primeiro em TeleSíntese.



Source: TeleSíntese

Socialize-se!

Admin AcessoWi-Fi.com

Administrador AcessoWi-Fi.com Técnico de Telecom HDC Telecom Técnico Grupo HD Center

%d blogueiros gostam disto: