Doença encontrada em cauda de dinossauro fossilizada afeta humanos até hoje

Cientistas encontraram vestígios de mais de 60 milhões de anos atrás de um tipo de tumor raro que afeta seres humanos ainda hoje. Indícios de histiocitose de células de Langerhans foram localizados no fóssil da cauda de um dinossauro que viveu no sul de Alberta, no Canadá. Um estudo sobre a descoberta foi publicado essa semana na Scientific Reports.

Source: UOL Tecnologia

Socialize-se!

Admin AcessoWi-Fi.com

Administrador AcessoWi-Fi.com Técnico de Telecom HDC Telecom Técnico Grupo HD Center

%d blogueiros gostam disto: