Visando ganhar competitividade internacional, Brasil vai apoiar 35 projetos de pesquisa na área de IA

Visando acelerar a competitividade brasileira frente a novas tecnologias baseadas em inteligência artificial (IA) de forma a fortalecer a posição do país no cenário mundial, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) anuncia a realização da segunda edição do Programa IA2 MCTI, iniciativa executada pela Softex com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Secretaria de Ciência e Tecnologia para Transformação Digital (Setad), com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

Ao contrário de sua edição anterior focada na aceleração de startups com soluções inovadoras baseadas em IA, desta vez o Programa volta sua atenção à importância de impulsionar a pesquisa e a inovação em todo o país. Assim, ao longo dos próximos 24 meses, 35 projetos de pesquisa de impacto que fazem uso de IA e realizados em 14 diferentes estados passarão por um processo de aceleração tecnológica.

Eles estão divididos em seis segmentos: Saúde, Agronegócio, Gestão Corporativa, Finanças, TI e Telecom; Energia e Sismologia, Segurança, Defesa e Logística e Transporte; e Educação. As soluções abrangem desde o desenvolvimento de produtos que reduzem a probabilidade de recidiva de câncer de mama e de pulmão até reconhecimento individual de bovinos e suínos por meio da captura de imagens com apoio de redes neurais convolucionais e IA.

“Estamos formando uma rede diversificada de talentos e conhecimentos. Este programa se destaca pela colaboração entre Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação (ICTs) e startups, evidenciando uma sinergia entre a academia e o setor produtivo. A seleção dos projetos participantes foi meticulosamente realizada pelo CNPq, assegurando a qualidade e relevância das iniciativas escolhidas e representam um compromisso com a descentralização do desenvolvimento tecnológico, garantindo que diferentes partes do país possam contribuir para a inovação em IA”, explica Hamilton Mendes, diretor de Incentivos às Tecnologias Digitais do MCTI.

Os projetos participantes do Programa IA² receberão consultoria para a construção de seu roadmap tecnológico; participarão de eventos, palestras e workshops e apresentarão suas soluções a potenciais parceiros e investidores durante o Fórum de IA, a ser realizado no Softex Experience no segundo semestre deste ano.

“Queremos não apenas fortalecer o empreendedorismo de base tecnológica, mas também promover a pesquisa e o desenvolvimento em IA e facilitar a transferência de tecnologia para o mercado, incentivando a inovação e a competitividade empresarial. Ao fortalecer a infraestrutura de pesquisa, fomentar a colaboração entre academia e indústria e promover o empreendedorismo tecnológico, o Brasil está pavimentando o caminho para se tornar um líder global em inovação baseada em IA”, destaca Diônes Lima, vice-presidente executivo da Softex.

A primeira edição do Programa I IA² MCTI foi realizada entre 2020 e 2021 d reuniu 100 startups de todas as regiões do país. O investimento pricado foi de cerca de R$ 5,6 milhões.

Tags

Compartilhe

7 jogos grátis para resgatar e jogar no PC, consoles e mobile
10 notícias mais importantes da semana (15/04 a 19/04)
Dono da Claro promete investimento de R$ 40 bilhões no Brasil; confira
Direitos do Consumidor no mundo digital são pautados pelo MCom; confira
Apple é obrigada a retirar WhatsApp e Threads da loja de apps na China
Itaú Unibanco lança função "transferir limites" para seus cartões
Dell Technologies expande armazenamento multicloud para aplicações de IA Azure
Malware mira usuários da Apple em 92 países
Com receita de R$ 555 milhões, Selbetti Tecnologia registra crescimento de 23%
Após o aporte do início do ano, Skyone adquire companhia por R$ 15 milhões e reforça presença em cloud