Revolução cosmológica? Físico diz que não existe matéria escura no universo; entenda

Um estudo de autoria do físico Rajendra Gupta, professor da Universidade de Ottawa, no Canadá, propõe um novo modelo cosmológico para explicar o Universo. Em vez do tradicional CDM (Lambda-Matéria Escura Fria, no acrônimo em português), que se baseia no Big Bang, na “matéria normal”, “energia escura” e “matéria escura”, o modelo traz a combinação de duas ideias revolucionárias.

Chamada de CCC+TL, a nova teoria junta as teorias das constantes de acoplamento covariantes (CCC) à da “luz cansada” (TL) em um “combo”. O modelo propõe “sobre como as forças da natureza diminuem ao longo do tempo cósmico e sobre a perda de energia da luz quando viaja uma longa distância, diz um comunicado do autor.

Leia mais…

Tags

Compartilhe

E se os vulcões da Antártida entrassem em erupção? Veja o estudo
Os 10 filmes mais pirateados da semana (13/04)
Salesforce está próxima de adquirir a Informatica
Como a série Fallout se encaixa na cronologia dos games?
Mês da Mentir.IA na Nuuvem tem ofertas, combo promocional e cupom exclusivo; veja como funciona
Cartola FC do Brasileirão 2024: veja como funciona a nova temporada
Como entender a conta de luz após colocar energia solar?
Uma das séries sci-fi mais promissoras do ano chega em breve ao Apple TV+; conheça Matéria Escura
Steam: veja 25 jogos em promoção com até 95% de desconto
Elon Musk já participou de Young Sheldon e The Big Bang Theory; relembre as cenas