Realidade Aumentada é Inteligência Artificial em tempo real

*Por Mei Dent

A Inteligência Artificial (IA) assumiu inegavelmente o papel central no cenário tecnológico atual. É a palavra da moda na boca de todos, e por boas e óbvias razões. As inovações em IA, particularmente os modelos de IA generativos como o ChatGPT, da OpenAI, Gemini, do Google, Sensei, da Adobe e Firefly, catapultaram seu conceito abstrato para torná-la parte integrante da vida cotidiana. No entanto, verdade seja dita: embora a IA esteja atualmente em grande destaque, é essencial reconhecer que ela já vem moldando silenciosamente tecnologias e ferramentas usadas diariamente pelas pessoas já há algum tempo. Uma das aplicações mais notáveis está no âmbito da Realidade Aumentada (RA) e da Realidade Mista (RM), que revolucionaram a interação do ser humano com o mundo digital.

Siga o tecflow no Google News!Participe dos nossos canais no Telegram ou Whatsapp!Confira nossos stories no Instagram e veja notícias como essa!Siga o tecflow no Google Podcast Spotify Podcast para ouvir nosso conteúdo!Anuncie conosco aqui ou apoie o tecflow clicando neste link.

A união de IA e RA

A Realidade Aumentada, em particular, só é possível graças à integração da IA à sua funcionalidade principal. A magia da RA, como a vivenciada por meio de óculos inteligentes e dispositivos móveis, depende fortemente da Inteligência Artificial e do Machine Learning (ou Aprendizagem de Máquina – AM, em português). Estas tecnologias funcionam harmoniosamente para analisar dados de centenas de sensores, criando uma ponte entre os mundos digital e físico.

O poder dos sensores de dados de borda (ou perimetrais)

Óculos inteligentes e dispositivos móveis estão repletos de sensores que capturam dados sobre o que nos rodeia. Por sua vez, a IA pega esses dados brutos do sensor e os transforma em uma representação digital do ambiente em um processo frequentemente chamado de “mapeamento” – que é a base sobre a qual as anotações de Realidade Aumentada estão conectadas ao mundo real. É o que permite que os objetos digitais pareçam perfeitamente integrados ao ambiente físico. Com mais dispositivos inteligentes, os chamados dados de borda ficarão ainda mais ‘ricos’, permitindo que mais empresas possam se beneficiar de novos e excitantes recursos de ponta.

Melhorando a eficiência do trabalhador

O entorno mapeado constantemente analisado por meio de Inteligência Artificial permite ainda que a força de trabalho obtenha auxílio imediato em tarefas e processos repetitivos ou em determinadas validações do dia a dia laboral, como digitalização de itens ou sinais de alerta – que podem ser resolvidos automaticamente, garantindo que o colaborador possa se concentrar em suas tarefas principais. A IA também pode ser usada para chegar a conclusões a partir de dados. Por exemplo: trabalhadores que realizam tarefas manuais, como levantar itens pesados, podem ser monitorados para verificação de produtividade devido ao esforço físico. Dessa forma, os turnos podem ser modificados, a localização dos itens pode ser alterada para minimizar a fadiga ou novas ferramentas podem ser introduzidas. Além disso, as capacidades de auditabilidade através do poder do reconhecimento de imagens de IA e da identificação de objetos ajudam os trabalhadores a rastrear atividades e melhorar a eficiência.

O núcleo da IA: análise em tempo real baseada em contexto

A análise de dados em tempo real baseada em contexto está no centro da Inteligência Artificial e continuará a ser o fator mais relevante nos processos e resultados futuros apoiados pela IA. Confira alguns aspectos que destacam a importância dessa tecnologia:

Uso de dados tecnicamente avançados

A IA é a força motriz por trás de processos em tempo real, como RA, RM e legendas e tradução ao vivo, possibilitando que essas tecnologias se adaptem e respondam a ambientes em constante mudança ao mesmo tempo em que proporcionam uma experiência mais dinâmica e envolvente para os usuários.

Identificação de padrões de dados

Outro destaque da IA é a sua capacidade de identificar padrões em grandes quantidades de dados. Em ambientes industriais, isso significa que a Inteligência Artificial pode ajudar a analisar os comportamentos e as atividades dos trabalhadores. Por exemplo, muitas vezes os trabalhadores do chão de fábrica gastam tempo demais procurando itens específicos. A IA pode rastrear esses padrões e sugerir localizações de itens com maior rapidez e eficiência, considerando todo o estoque do armazém, ajudando a reduzir a necessidade de tentativa e erro.

Tomada de decisões muito mais rápidas e certeiras por meio de dados
A IA não se limita a identificar padrões, ela pode ainda tirar conclusões valiosas dos dados que recolhe. Em tarefas fisicamente exigentes em que os trabalhadores podem levantar itens pesados, ela pode monitorizar o desempenho e detectar quando a produtividade começa a diminuir devido ao esforço ou cansaço excessivo. Os dados levam a decisões com base em informações – o que, na prática, pode contribuir para realizar ajustes em turnos de trabalho, reorganizar a localização de itens para minimizar cansaço do trabalhador ou mesmo introduzir novas ferramentas para aliviar o esforço físico.
Claro, ainda estamos muito longe de compreender os processos de negócios para saber o que é realmente possível daqui a alguns anos com uso da Inteligência Artificial, mas penso que avançar da análise para a automação ajudará, sem dúvida, a aumentar a produtividade e a encontrar novos caminhos e possibilidades.

Hoje, a IA evoluiu de um conceito ‘misterioso’ para uma ferramenta indispensável em nossas vidas diárias. A sua integração com Realidade Aumentada e Realidade Mista não apenas transformou a forma como interagimos com a tecnologia, mas melhorou enormemente a eficácia dos trabalhadores em vários setores de mercado.

À medida que avançamos, o poder da análise de dados em tempo real da Inteligência Artificial continuará a impulsionar a inovação, criando ferramentas e processos mais inteligentes, mais responsivos e mais satisfatórios para todos nós. Dos óculos inteligentes até os ambientes industriais, a influência da IA é inconfundível, o que torna o futuro da tecnologia mais emocionante do que nunca.

*Mei Dent – Diretora de Produto e Tecnologia da TeamViewer

Faça como os mais de 10.000 leitores do tecflow, clique no sino azul e tenha nossas notícias em primeira mão! Confira as melhores ofertas de celulares na loja parceira do tecflow.

Tags

Compartilhe

Apenas 22% dos brasileiros tem acesso a boa conectividade; veja estudo
Claro e Embratel lançam programa que facilita acesso de startups ao Open Gateway
Claro registra receita de R$ 11,77 bilhões no 1º tri, alta de 5%
Magalu Cloud lança produtos de armazenamento e segurança
B3 lança solução de ativos tokenizados para viabilizar a arrecadação de fundos
Explorando o mundo dos dados: uma metáfora culinária
Oi quer regulação das redes neutras e mudanças em interconexão
Alloha Fibra diz que mudança no conceito de PPP pode “implodir” negócios
Condecine: Senadores rejeitam emenda que blindaria YouTube e TikTok
Novo programa Claro e Embratel quer facilitar acesso de startups ao Open Gateway