Quais são as Top 20 Women in Tech no Brasil?

Com base em premiações, impacto e esferas de influência nacional e global, a empresa de serviços financeiros e M&A, Deal Maker, escolheu 20 mulheres mais influentes de tecnologia no Brasil nos últimos anos.

O objetivo é destacar o protagonismo feminino em uma lista de mulheres que são referência em suas áreas. E mais do que líderes em seus segmentos, são exemplos que ajudam a transformar seus ambientes profissionais e a sociedade como um todo.

Confira as escolhidas:

Ana Fontes – Eleita pela Forbes como uma das mulheres mais poderosas do país, é reconhecida internacionalmente pela sua plataforma Rede Mulher Empreendedora, que reúne mais de 1 milhão de mulheres.

Andréa Migliori – Com mais de 20 anos de experiência em tecnologia, liderança e inovação, é fundadora da Badaró e da premiada HRTech WorkHub. Também atua como mentora em programas de formação e aceleração de startups.

Auana Mattar – Reconhecida e premiada como mulher mais disruptiva em tecnologia pela WOMEN IN TECH- Global Movement, a CIO da TIM Brasil participa ativamente de iniciativas de reconhecimento e incentivo à participação de mulheres no mercado de STEM, é mentora do MCIO Brasil e Mulheres Positivas.

Camila Fernandez Achutti- Referência mundial na luta por mais mulheres na tecnologia, é founder da premiada Mastertech e do Mulheres na Computação, iniciativa de inclusão das mulheres no cenário tech. Foi a primeira mulher da América Latina a receber o prêmio Women of Vision.

Camila Farani – Uma das 500 pessoas mais influentes da América Latina (Bloomberg Linea), e Empreendedora do Ano 2022 (IstoÉ Dinheiro), é sócia fundadora da aceleradora de startups G2 Capital. Eleita Women in Tech Latam Awards 2022, na categoria Best Ally.

Cristina Junqueira- Eleita como a mais importante executiva de fintechs do mundo, a co-founder do Nubank é a primeira mulher entre founders de unicórnios no Brasil, e é peça chave da expansão do banco e da estreia da empresa na bolsa de NY. Em 2021, se tornou a segunda mulher mais rica do país, e é uma das poucas na lista brasileira a integrar o time de self-made bilionários.

Cynthia Zanoni Founder da maior comunidade de mulheres na tecnologia da América Latina, WoMakersCode, que já impactou mais de 1 milhão de desenvolvedoras, é Global Cloud Advocate e líder do Comitê de Equidade de Gênero na Microsoft.

Daniela Binatti- Co-founder e CTO da fintech Pismo, único negócio que atingiu valor de unicórnio em 2023 no Brasil. Eleita Women in Technology – Tech/Service Provider pela Banking Tech Awards.

Fernanda Ribeiro- Co-founder e CEO da Conta Black, fintech focada em desburocratizar o acesso a serviços bancários para o público negro. Eleita pela Forbes como uma das 10 Mulheres de Sucesso, também é presidente da AfroBusiness Brasil, líder de diversidade da ABFintechs e embaixadora da Rede Ibero-Americana de Mulheres em Fintech.

Georgia Sanches – Founding team de duas empresas de crypto, General Manager da fintech Conduit e vencedora do prêmio Women in Tech LATAM 2023 na categoria Web3.

Gisele Lasserre – Founder e CEO da Tech Girls Brasil, franquia social voltada à empregabilidade de mulheres em vulnerabilidade social na carreira de programação de software com o reuso de computadores obsoletos e recuperados. Vencedora do Women in Tech LATAM 2023 na categoria Best Ally.

Ione de Almeida Coco – Conhecida por romper barreiras na TI, é presidente do grupo MCIO Brasil, que incentiva e capacita mulheres para se tornarem líderes em TI. É coautora do livro Por Trás da TI e ativista e defensora da equidade de gênero.

Jhenyffer Coutinho – Empreendedora premiada, co-founder e CEO da Plure , HRTech especialista em conectar empresas a mais de 250 mil mulheres diversas. Com objetivo de levar diversidade e inclusão como estratégia de negócio para mais empresas, visa empregar meio milhão de mulheres até 2030.

Lindalia Sofia- Primeira brasileira selecionada pela Nasa como líder mundial de inovação na Singularity University, CEO do Hacking.Rio e embaixadora oficial no Brasil do WOMEN IN TECH- Global Movement. Listada como uma das mulheres de maior impacto da América Latina em 2022 (Bloomberg Linea) e como uma das 100 mulheres mais inovadoras do Brasil (Época Negócios) em 2023.

Lisiane Lemos – Eleita uma das pessoas mais influentes pela Forbes Under 30, já trabalhou no terceiro setor, morou na África, foi líder na Microsoft e no Google , fez parte de iniciativas para diversidade e inclusão, como o conselho consultivo do Fundo de Populações da ONU, e hoje é secretária extraordinária de Inclusão Digital e Apoio às Políticas de Equidade no Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

Maitê Lourenço- Founder da YA Ventures , fundo focado em startups com founders negros e mulheres periféricas, e da BlackRocks Startups, startup com o objetivo de promover acesso à população negra em ambientes altamente inovadores e tecnológicos. É Impact Leader do Pacto Global da ONU, Conselheira Consultiva do Conservation International e colunista na Forbes.

Manoela Ribas Mitchell- Co-founder e CEO da premiada Pipo Saúde, uma das principais healthtechs do país. Em 2021, sua startup recebeu R$100M de um fundo americano, um dos maiores montantes já levantados por uma startup liderada por uma mulher no Brasil.

Nina Silva- Com mais de 20 prêmios e nomeações nacionais e internacionais, foi eleita a Mulher Mais Disruptiva do Mundo pela Women ln Tech Global Awards. É CEO do Movimento Black Money, movimento que atua com inovação, empreendedorismo e educação financeira para a população negra.

Simone Lettieri D. – Eleita como Global Leadership LATAM pela Women in Tech e TOP 5 da Lifetime Achievement, que homenageia mulheres que dedicam sua carreira à indústria de tecnologia, deixando um legado duradouro, é CDO da Meta.

Tania Cosentino – Atual presidente da Microsoft no Brasil, é uma das mulheres mais influentes no mundo dos negócios. É líder ativa dos programas HeForShee Women’s Empowerment Principles, da ONU Mulheres Brasil e do Pacto Global da ONU – Rede Brasil , foi premiada pela Women in Tech como Mulher Líder Global; e está entre as 500 pessoas mais influentes da América Latina.

Tags

Compartilhe

TIM amplia rede 5G para mais de 57 cidades em diversos estados
Apenas 22% dos brasileiros tem acesso a boa conectividade; veja estudo
Claro e Embratel lançam programa que facilita acesso de startups ao Open Gateway
Claro registra receita de R$ 11,77 bilhões no 1º tri, alta de 5%
Magalu Cloud lança produtos de armazenamento e segurança
B3 lança solução de ativos tokenizados para viabilizar a arrecadação de fundos
Explorando o mundo dos dados: uma metáfora culinária
Oi quer regulação das redes neutras e mudanças em interconexão
Alloha Fibra diz que mudança no conceito de PPP pode “implodir” negócios
Condecine: Senadores rejeitam emenda que blindaria YouTube e TikTok