Nas economias em crescimento, maioria acredita que IA pode melhorar relações com o trabalho

O Índice HP de Relacionamento com o Trabalho, uma pesquisa da HP Inc. que explora como os funcionários se relacionam com o trabalho ao redor do mundo, revela que, embora as relações com o trabalho estejam tensionadas e as expectativas dos empregados estejam aumentando, a inteligência artificial (IA) é vista como crucial para melhorar essas relações. No estudo, 76% dos trabalhadores nas economias em crescimento acreditam que a IA pode ter um papel-chave na melhoria de suas relações com o trabalho e apenas 27% dos trabalhadores do conhecimento afirmam ter uma relação saudável com o trabalho.

O levantamento, que incluiu entrevistas com mais de 15.600 respondentes em 12 países, revela que, embora as relações do mundo com o trabalho estejam tensionadas e as expectativas dos empregados estejam aumentando, a inteligência artificial (IA) é vista como crucial para melhorar essas relações.

“A IA representa uma oportunidade significativa de transformar nossa dinâmica de trabalho e criar um ambiente mais positivo e produtivo para todos”, afirma Dave Shull, presidente de Soluções para a Força de Trabalho da HP Inc. “Para promover maior compreensão e aceitação da IA – e garantir que os funcionários saibam como colher seus benefícios, os líderes das empresas devem tomar a iniciativa de informar os funcionários sobre o potencial da IA e liderar sua integração efetiva.”

As relações do mundo com o trabalho estão tensionadas: a IA pode ajudar
Na força de trabalho global da atualidade, há uma tensão notável nas relações entre pessoas e trabalho, com apenas 27% dos trabalhadores do conhecimento relatando uma relação saudável com o trabalho.

Ao mesmo tempo, as expectativas dos trabalhadores do conhecimento quanto a sua relação com o trabalho aumentaram muito, com 58% da amostra global afirmando que suas expectativas aumentaram nos últimos três anos. Isso é especialmente evidente em economias em crescimento, com 71% dos trabalhadores tendo aumentado suas expectativas, em comparação com 50% em economias maduras.

O potencial da IA para promover relações mais saudáveis com o trabalho é amplamente reconhecido pela força de trabalho – com os líderes empresariais e decisores de TI abrindo o caminho. 54% dos trabalhadores do conhecimento, 72% dos líderes empresariais e 70% dos decisores de TI veem o papel que a IA pode desempenhar para alcançar um melhor equilíbrio entre vida pessoal e trabalho. Uma proporção semelhante acredita que a IA pode simplificar tarefas e facilitar o trabalho (75% dos líderes e 58% dos trabalhadores do conhecimento).

Notavelmente, 76% dos trabalhadores do conhecimento nas economias em crescimento acreditam que a IA vai tornar seu trabalho “mais fácil” e 75%, “mais interessante” (em comparação com 48% e 44%, respectivamente, em economias maduras).

Líderes de empresas devem conduzir a integração da IA

A diferença entre os líderes empresariais, decisores de TI e trabalhadores do conhecimento ressalta a necessidade de os líderes efetivamente comunicarem os benefícios da IA e educarem os funcionários sobre como integrá-la em seus processos de trabalho – para impulsionar resultados melhores para os negócios e fortalecer suas relações pessoais com o trabalho. A pesquisa mostrou que persiste a incerteza sobre as melhores formas de usar a IA e colher todos os seus benefícios:

• Quase dois quintos (42%) das pessoas se sentem inseguras sobre quando usar IA no local de trabalho.

• 41% se sentem mal equipados para aproveitar todo o potencial da IA em seus cargos.

Com 73% dos líderes de empresas e 66% dos trabalhadores do conhecimento defendendo que haja treinamentos adequados em IA, há uma clara demanda para que as organizações priorizem iniciativas de requalificação para capacitar sua força de trabalho a adotar tecnologias de IA.

“Em um cenário de trabalho em evolução, onde as empresas estão lutando para aumentar o engajamento, a retenção e a produtividade, bem como para manter seus funcionários inspirados, a integração estratégica da IA surge como uma força potente para a transformação”, afirma Stella Low, diretora executiva de Comunicação da HP Inc. “Os trabalhadores do conhecimento de todo o mundo estão ansiosos para que a liderança sênior os oriente sobre como navegar pelo terreno da IA efetivamente: o ambiente está pronto para que os líderes busquem a oportunidade de capacitar seus funcionários e promover o sucesso.”

Tags

Compartilhe

TIM amplia rede 5G para mais de 57 cidades em diversos estados
Apenas 22% dos brasileiros tem acesso a boa conectividade; veja estudo
Claro e Embratel lançam programa que facilita acesso de startups ao Open Gateway
Claro registra receita de R$ 11,77 bilhões no 1º tri, alta de 5%
Magalu Cloud lança produtos de armazenamento e segurança
B3 lança solução de ativos tokenizados para viabilizar a arrecadação de fundos
Explorando o mundo dos dados: uma metáfora culinária
Oi quer regulação das redes neutras e mudanças em interconexão
Alloha Fibra diz que mudança no conceito de PPP pode “implodir” negócios
Condecine: Senadores rejeitam emenda que blindaria YouTube e TikTok