Correios aumenta tarifas em 4,39% a partir de abril

De acordo com publicação no Diário Oficial da União nesta segunda-feira, 25, os Correios vão reajustar em 4,39 as taxas dos serviços postais nacionais e internacionais e telegráficos nacionais, prestados exclusivamente pela empresa.

Conforme o documento emitido pelo Ministério das Comunicações, a medida corresponde à correção da inflação com base no IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2023 e entrará em vigor a partir do dia 3 de abril.

Assim, o reajuste da tarifa para envio de cartas e cartões postais de até 20 gramas vai passar de R$ 2,45 para R$ 2,55, enquanto que a máxima, de 450g a 500g, foi de R$ 13,35 para R$ 13,80. O franqueamento autorizado de cartas simples também foi reajustado e pode variar entre R$ 2,27 e R$ 12,17, de acordo com o peso.

Para o telegrama nacional, os valores serão diferenciados de acordo com a modalidade escolhida: a taxa cobrada será de R$ 10,74, via internet, R$ 12,96 por telefone e R$ 15,56, na contratação pré-paga nas agências. Para quem deseja enviar malotes, é necessário realizar uma consultar na tabela de distância e peso disponibilizada no site dos Correios.

Já para os envios internacionais, as cobranças se darão por meio de cinco grupos divididos por região e os valores podem ir de R$ 4,30 a R$ 239, 60, a depender do peso em gramas e o grupo do país para envio.
Grupo 1: Argentina, Paraguai e Uruguai, grupo 2: demais países da América do Sul, grupo 3: Américas Central e do Norte, grupo 4: Europa e grupo 5: Ásia e Oriente Médio, África e Oceania.

Este reajuste apresentado foi aprovado pelo ministro das Comunicações, Juscelino Filho e tem variação inferior à do ano passado,  que foi de 5,49%, e em 2022, que foi de 9,56%.

O post Correios aumenta tarifas em 4,39% a partir de abril apareceu primeiro em TeleSíntese.

Tags

Compartilhe

TIM amplia rede 5G para mais de 57 cidades em diversos estados
Apenas 22% dos brasileiros tem acesso a boa conectividade; veja estudo
Claro e Embratel lançam programa que facilita acesso de startups ao Open Gateway
Claro registra receita de R$ 11,77 bilhões no 1º tri, alta de 5%
Magalu Cloud lança produtos de armazenamento e segurança
B3 lança solução de ativos tokenizados para viabilizar a arrecadação de fundos
Explorando o mundo dos dados: uma metáfora culinária
Oi quer regulação das redes neutras e mudanças em interconexão
Alloha Fibra diz que mudança no conceito de PPP pode “implodir” negócios
Condecine: Senadores rejeitam emenda que blindaria YouTube e TikTok