Após pressão da UE, Apple recua e libera conta da Epic Games

Apple libera conta da Epic Games na Europa após pressão da UE (crédito: Divulgação/Epic Games)

Depois de ser pressionada por reguladores da União Europeia (UE), a Apple voltou atrás e, nesta sexta-feira, 8, devolveu à Epic Games o acesso à conta de desenvolvedor no sistema iOS. Na prática, isso permite que a criadora de “Fortnite” abra a sua própria loja dentro do sistema operacional para vender, sem intermediação da Apple, jogos eletrônicos para dispositivos iPhone e iPad.

No início desta semana, a big tech, depois de ter aprovado a criação da conta, bloqueou o acesso da Epic, impedindo que a desenvolvedora criasse uma loja própria em seu sistema.

Na quarta-feira, 6, a Epic emitiu um comunicado, tornando pública a decisão da Apple e alegando que a gigante de tecnologia não tinha reais intenções de cooperar com a legislação europeia, na forma da Lei dos Mercados Digitais (DMA, na sigla em inglês).

No dia seguinte, Thierry Breton, comissário europeu de Mercado Interno, disse que a questão seria tratada com prioridade pelos reguladores do bloco. Inclusive, o prazo para que a Apple e outras big techs (Microsoft, Meta, Amazon, Google e TikTok) se adequassem à norma tinha terminado no dia 6 de março.

“Toma nota com satisfação que, na sequência dos nossos contatos, a Apple decidiu voltar atrás na sua decisão sobre a exclusão da Epic”, escreveu Breton, em sua conta no X (antigo Twitter), nesta sexta-feira, 8.

“A partir do dia 2, a DMA já mostra resultados muito concretos!”, acrescentou, referindo-se ao segundo dia em vigor das medidas contra as gigantes de tecnologia, que são consideradas controladoras de acesso no ambiente digital (gatekeepers) pela norma europeia.

Em nota, a Epic celebrou a possibilidade de levar “Fortnite” aos consumidores europeus, assim como abrir a sua própria loja de jogos.

“A Apple nos disse e se comprometeu com a Comissão Europeia que irá reinstalar a nossa conta de desenvolvedor. Isso envia um forte sinal para desenvolvedores que a Comissão Europeia vai agir rapidamente para fazer cumprir a Lei dos Mercados Digitais e responsabilizar os controladores de acesso”, diz trecho do comunicado.

“Estamos avançando conforme o planejado para lançar a Epic Games Store e trazer Fortnite de volta ao iOS na Europa. Avante!”, complementa a Epic.

O post Após pressão da UE, Apple recua e libera conta da Epic Games apareceu primeiro em TeleSíntese.

Tags

Compartilhe

7 jogos grátis para resgatar e jogar no PC, consoles e mobile
10 notícias mais importantes da semana (15/04 a 19/04)
Dono da Claro promete investimento de R$ 40 bilhões no Brasil; confira
Direitos do Consumidor no mundo digital são pautados pelo MCom; confira
Apple é obrigada a retirar WhatsApp e Threads da loja de apps na China
Itaú Unibanco lança função "transferir limites" para seus cartões
Dell Technologies expande armazenamento multicloud para aplicações de IA Azure
Malware mira usuários da Apple em 92 países
Com receita de R$ 555 milhões, Selbetti Tecnologia registra crescimento de 23%
Após o aporte do início do ano, Skyone adquire companhia por R$ 15 milhões e reforça presença em cloud