Proposta do governo da Itália pela Sparkle é insatisfatória, diz Grupo TIM

Grupo TIM informou que proposta do governo da Itália pela Sparkle está aquém do esperado (crédito: Freepik)

A proposta apresentada pelo governo da Itália para aquisição da Sparkle, empresa de atacado e dona de uma extensa rede de cabos submarinos do Grupo TIM (antiga Telecom Italia), foi considerada “insatisfatória” pelo conselho de administração da tele.

Em comunicado, a mesa diretora da companhia informou que, ao se reunir nesta quarta-feira, 7, examinou a oferta encaminhada pelo Ministério da Economia e Finanças (MEF). No entanto, o conselho entendeu que a proposta estatal é insuficiente para concretização do negócio.

Ainda assim, o governo italiano não está completamente fora da jogada. O conselho instou o CEO do Grupo TIM, Pietro Labriola, a negociar com o ministério uma “opção diferente”, levando em conta “possíveis ajustes nos termos do contrato, na hipótese de a TIM manter uma participação na empresa por um certo período de tempo a apoiar a implementação do plano estratégico”, conforme trecho da nota divulgado à imprensa.

Até o momento, nem o Grupo TIM, dono do TIM Brasil, nem as autoridades italianas revelaram o valor da proposta. No ano passado, como forma de adquirir uma participação nos ativos à venda pela tele – a NetCo, já negociada com o fundo norte-americano KKR, e a Sparkle –, o governo editou decretos autorizando o Tesouro a desembolsar até 2,2 bilhões de euros (aproximadamente R$ 11,7 bilhões).

Operadora global do Grupo TIM, a Sparkle oferece diversos serviços de infraestrutura e conectividade, como capacidade, IP, SD-WAN, colocation, IoT, roaming e voz. A subsidiária conta com uma rede de cabos submarinos de mais de 600 mil km, inclusive com pontos de presença (PoP) no Brasil. Na terça-feira, 6, a TIM italiana informou que a rede foi expandida para o Iraque, com a inauguração de um PoP em Erbil (também conhecida como Arbil).

Inicialmente, o Grupo TIM planejava vender a Sparkle junto da NetCo, a unidade de infraestrutura de rede fixa. Contudo, ao longo das negociações, os ativos foram separados. No caso da NetCo, a tele fechou um acordo de 19 bilhões de euros (R$ 101,6 bilhões) com a KKR.

O post Proposta do governo da Itália pela Sparkle é insatisfatória, diz Grupo TIM apareceu primeiro em TeleSíntese.

Tags

Compartilhe

10 notícias mais importantes da semana (26/02 a 01/03)
Sem sinal? Clientes TIM reclamam de falha na rede de telefonia móvel
WhatsApp atualiza e agora é possível pesquisar conversas por data
Entenda o final de O Astronauta, filme da Netflix com Adam Sandler
Xbox: jogos com até 95% de desconto para Xbox One e Series S|X
PIB de informação e comunicação cresce 2,6% em 2023
Claro atinge 10 milhões de assinantes na banda larga fixa em janeiro
Justiça ordena que a Meta mude de nome no Brasil; entenda
Com quase 1 milhão de alunos, Vitru Educação coloca a IA para atender estudantes
Sistema antifraude da Biz terá atendimento via WhatsApp