Velocidade média da internet móvel cresce, mas 5G recua para maioria

Levantamento da Opensignal mostra trajetória dos testes da velocidade do 5G no Brasil | Foto: Freepik

Relatório da Opensignal referente ao desempenho dos serviços de internet móvel no final de 2023, divulgado nesta quinta-feira, 25, mostra que todas as operadoras de celular registraram melhoria na velocidade de download entre o primeiro e o segundo semestre do ano passado. No entanto, em um recorte específico para o 5G, houve redução da rapidez da rede para a maioria delas. 

Para a rede móvel em geral, a TIM registrou um aumento de 4.8 Mbps no download, a Vivo 3.7 Mbps e a Claro 3.6 Mbps. Os testes que focaram no 5G, no entanto, apresentaram uma redução de 18,9 Mbps na rede da Vivo e 5,3 Mbps na conexão da TIM. A Claro foi a única com crescimento do 5G no período, com  53,2 Mbps.

Apesar das variações, a Vivo é a operadora que apresenta a melhor velocidade do 5G. Já a Claro subiu para a segunda posição ultrapassando a TIM. Veja no comparativo abaixo:

Rede
Download

De março a maio de 2023
De outubro a dezembro de  2023

Geral

Claro
23.7 Mbps

Claro
27.2 Mbps


Vivo
22.5 Mbps

Vivo
26.2 Mbps


TIM
21.3 Mbps

TIM
26.1 Mbps

5G

Vivo
403.2 Mbps

Vivo
384.3 Mbps


TIM
351.1 Mbps

Claro
354.8 Mbps


Claro
301.6 Mbps

TIM
345.8 Mbps

Upload

A velocidade de upload costuma ser menor que a de download  pelo hábito mais comum dos usuários em consumir conteúdo ao invés de produzir. No entanto, o relatório destaca que “à medida que as tendências de internet móvel se afastam dos conteúdos baixados para criação de conteúdo e prestam suporte em tempo real a serviços de comunicação, a velocidade de upload está se tornando mais crítica e novas tecnologias estão surgindo para impulsionar a capacidade”.

A Claro lidera a velocidade geral de upload com 8,5 Mbps, superando a Vivo por 0,4 Mbps (5,1%). A TIM aparece em terceiro lugar, com uma pontuação de 7,8 Mbps.

De acordo com a Opensignal, as pontuações da Claro e da Vivo melhoraram em 0,4 Mbps e 0,1 Mbps, respectivamente, enquanto a pontuação da TIM caiu 0,1 Mbps desde o relatório anterior.

Já com 5G, o upload foi mais rápido com a Vivo (33.3 Mbps), com a Claro em segundo lugar (31 Mbps) e a TIM em terceiro (28.4 Mbps). Veja:

 

Rede
Upload

Geral

Claro
8.5 Mbps


Vivo
8.1 Mbps


TIM
7.8 Mbps

5G

Vivo
33.3 Mbps


Claro
31.8 Mbps


TIM
28.4 Mbps

Streaming

A mais recente edição do relatório traz uma nova categoria, de transmissão de vídeo ao vivo, como esportes, streaming de jogos, shows de música ou notícias. O desempenho é medido por “pontos”, que representam uma média (de 0 a 100) da experiência percebida em diferentes elementos, como: qualidade de imagem, tempo de carregamento de vídeo, taxa de interrupção e delay. 

A TIM obteve a melhor avaliação, com uma pontuação de 49,6 pontos e uma vantagem de 4,8 pontos sobre a Claro. Veja o ranking:

TIM: 49.6 pontos
Claro: 44.9 pontos
Vivo: 44.5 pontos

A média das operadoras está dentro da escala considerada “boa” (entre 43 e 53 pontos). Conforme a descrição da métrica, isso significa que os usuários conseguiram, “em média, transmitir vídeo em 720p ou melhor, com tempos de carregamento satisfatórios e poucas paradas”.

Com 5G, a experiência de transmissão de vídeo dos usuários é melhor em todas as operadoras, e fica dentro da escala “excelente” (acima de 58) dessa nova categoria, quando é possível ” transmitir vídeo em pelo menos 1080p com tempo de carregamento baixo, poucas paralisações e um deslocamento ao vivo satisfatório”. 

O ranking para transmissão de vídeo com 5G ficou: 

TIM: 64.9 pontos
Claro: 63.0 pontos
Vivo: 62.7 pontos

Cobertura e estabilidade

O relatório Opensignal avalia o desempenho em outras categorias como a cobertura e a consistência da rede. Veja:

Qualidade Consistente

TIM: 63.4 %
Claro: 59.1 %
Vivo: 58.6 %

No quesito Qualidade Consistente, avalia-se o desempenho da rede no atendimento aos requisitos de aplicativos comuns “em um nível considerado ‘bom o suficiente’ para que os usuários mantenham (ou realizem) diversas tarefas típicas em seus dispositivos”.

Todas as operadoras registraram melhorias em suas pontuações em relação ao relatório do segundo trimestre de 2023 — as pontuações da TIM e da Vivo cresceram 3,3 e 2,3 pontos percentuais, respectivamente, enquanto a da Claro aumentou 1,4 ponto percentual. 

A TIM liderou pela segunda vez consecutiva, com um incremento da margem de vitória sobre a segunda colocada, a Claro, de 2,4 para 4,3 pontos percentuais.

Cobertura

TIM: 95.7%
Vivo: 95.5%
Claro: 95%

A cobertura é medida no quesito “disponibilidade”, que se refere a quantas vezes os usuários dessa rede conseguem se conectar a serviços 3G ou melhores quando precisam. 

A TIM manteve a liderança, com disponibilidade em 95,7% das vezes. Apesar disso, o desempenho diminuiu em 0,2 ponto percentual desde o relatório anterior, enquanto a Claro e a Vivo observaram aumentos em suas pontuações de 0,3 e 0,4 ponto percentual cada. Como resultado, a liderança da TIM diminuiu, caindo de 0,9 ponto percentual para 0,2 ponto dessa vez.

Com 5G

A disponibilidade da rede 5G é medida considerando o tempo que os usuários de 5G passam conectados a serviços 5G nos locais que frequentam regularmente.  A TIM também lidera nesta avaliação, com um ponto percentual à frente da segunda colocada, a Claro. 

O relatório destaca que os locais em que não tem sinal de conexão, as chamadas “zonas mortas”, são mais comuns em ambientes internos. 

O ranking de disponibilidade do 5G para o final de 2023 é:

TIM: 11.1
Vivo: 10.2%
Claro: 7.1%

Acesse a íntegra do relatório neste link.

O post Velocidade média da internet móvel cresce, mas 5G recua para maioria apareceu primeiro em TeleSíntese.

Tags

Compartilhe

10 notícias mais importantes da semana (26/02 a 01/03)
Sem sinal? Clientes TIM reclamam de falha na rede de telefonia móvel
WhatsApp atualiza e agora é possível pesquisar conversas por data
Entenda o final de O Astronauta, filme da Netflix com Adam Sandler
Xbox: jogos com até 95% de desconto para Xbox One e Series S|X
PIB de informação e comunicação cresce 2,6% em 2023
Claro atinge 10 milhões de assinantes na banda larga fixa em janeiro
Justiça ordena que a Meta mude de nome no Brasil; entenda
Com quase 1 milhão de alunos, Vitru Educação coloca a IA para atender estudantes
Sistema antifraude da Biz terá atendimento via WhatsApp