Programa vai conectar 200 famílias de comunidades amazônicas gratuitamente

O programa Rede Amazônia +Conectada, que tem o objetivo de disponibilizar conexões de Internet para 500 casas em Juruti, no Pará, e fomentar o acesso aos estudos e à educação online, seleciona, a partir do dia 30 de outubro as primeiras 200 casas que receberão conexão banda larga.

A iniciativa é uma realização do Grupo +Unidos com apoio da USAID (Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional) e parceria com a EBAC (Escola Britânica de Artes Criativas e Tecnologia), a Alcoa, a Trench Rossi Watanabe e conta ainda com o apoio institucional do IJUS, J-Pal e Conecta Amazônia.

“As comunidades dessas regiões precisam frequentemente percorrer longas distâncias para ter acesso a esses serviços, o que também torna difícil a chegada de instituições educacionais e a implementação de tecnologias modernas. Nossa missão é ajudar a mudar esse cenário, não apenas sobre levar tecnologia e acesso, mas dar as ferramentas para capacitar pessoas e fazer com que se desenvolvam”, explica Juliana Vianna, gerente de Parcerias e Eventos Presenciais da EBAC.

O programa começa agora e tem previsão de ser concluido em 2024. Os moradores de diversas comunidades dos distritos de Tabatinga, Castanhal e Juruti Velho, podem se registrar para participar. As inscrições podem ser feitas online ou presencialmente, uma vez que a equipe do programa vai realizar visitas às comunidades selecionadas. Essa abordagem busca assegurar que pessoas sem acesso à Internet consigam se unir ao programa, promovendo assim um impacto significativo nessas localidades.

“A grande importância da conexão é levar junto o conhecimento. É muito além da conectividade. Prezamos pela educação. Queremos ampliar as oportunidades dessas comunidades, levando cursos inovadores e de ponta para que tenham acesso ao melhor do sistema educacional. Trazer a EBAC, que é uma referência de inovação e cursos digitais, para essa parceria é fundamental para atingirmos o nosso objetivo. Queremos democratizar o acesso à educação pela Internet. É uma junção brilhante”, conclui Daniel Grynberg, Diretor Executivo do Grupo +Unidos. 

As inscrições para participar do projeto ocorrem entre 30 de outubro e 15 de novembro de 2023 e os pré-requisitos e o link de inscrição podem ser conferidos neste link: https://www.maisunidos.org/inscricoes-amazonia-mais/.

Tags

Compartilhe

O que esperar da cibersegurança em 2024?
Maior velocidade de internet equivale a mais segurança? Aparentemente sim.
Google revela 10 jogos mais buscados em 2023! Veja o ranking
One UI 6.1 terá criador de wallpapers com IA e mais novidades, segundo rumores
Netflix recebe filme de suspense chocante! Conheça Tempo
BC dá mais um passo para o Pix automático, que começa em outubro de 24
Equipe do Inatel vai lançar nanossatélite nacional em foguete
TIM quer levar cobertura 4G para lavouras do Brasil
Comprar ou alugar? Celular por assinatura é solução inteligente em um mundo hiperconectado
Bots da Metasix superaram 10 milhões de atendimentos em 2023
%d