Parceria fortalece a proteção de APIs com IA Generativa

A e-Safer firmou parceria com a Cequence Security para oferecer ao mercado uma proteção robusta aos clientes que utilizam cada vez mais aplicações conectadas via APIs e mais dependentes de sistemas hiperconectados, necessitando garantir a segurança destas conexões que viabilizam a integração de sistemas e o transporte de dados sensíveis entre as mais diversas aplicações empresariais.

Com a plataforma API Spyder da Cequence, oferecida pela e-Safer, as empresas dos mais variados segmentos podem utilizar os recursos da IA Generativa embarcada para criar fluxos de trabalho baseados em low code/no code para realizar testes de segurança das aplicações interconectadas por meio de APIs, mas sem depender das tradicionais pipelines CI/CD.

Com os recursos mais recentes, as organizações podem implantar rapidamente o teste de segurança de API com automação de IA Generativa para proteger os usuários contra fraudes online e operacionalizar as descobertas de segurança com fluxos de trabalho de low code/no code. A solução associa automaticamente as APIs aos casos de testes corretos, de acordo a sua funcionalidade, para reduzir drasticamente o tempo necessário para criar um plano de testes e garantir uma experiência consistente em todos os aplicativos e ambientes do cliente.

Entre outros aprimoramentos recebidos pela plataforma Cequence, os insights detalhados e fluxos de trabalho de correção em falhas de testes possibilitam trabalhar com a lista atualizada do OWASP (Projeto Aberto de Segurança em Aplicações Web), uma comunidade online que cria e disponibiliza artigos, metodologias, documentação, ferramentas e tecnologias no campo da segurança de aplicações web, e incluindo as principais ameaças de segurança enfrentadas pelo complexo ecossistema de APIs.

Novos recursos 

A plataforma Cequence também adicionou o módulo Fraud Prevention para o API Spartan, uma solução aberta para análise e tomada de decisões que permite bloquear transações e notificar as equipes de testes sobre o nível de segurança dos sistemas.

Também são oferecidos conectores de integração prontos para uso para mais de 300 aplicativos de terceiros, incluindo ServiceNow, PagerDuty, JIRA e Slack, possibilitando que os analistas de segurança possam garantir que os riscos ou ameaças à segurança sejam encaminhados imediatamente para suas equipes de negócios para correção. A partir da abordagem de baixo código/sem código, é possível implementar um fluxo de trabalho de API Security Orchestration and Response (SOAR) para possibilitar conexões de terceiros e alcançar os resultados desejados.

A proteção de aplicativos e usuários contra fraudes online complementa os recursos existentes do Cequence para detectar e bloquear abuso de lógica de negócios, tentativas de controle de conta (ATO) e tráfego malicioso automatizado.

Tags

Compartilhe

Blog
Top smartphones mais procurados: domínio da Samsung e surpresa da Xiaomi
Apple divulga data da pré-venda do iPhone 15 no Brasil; confira
Ministérios e Finep firmam contratos de R$ 238 milhões para apoiar inovação na Defesa
Associações Comerciais querem isonomia com compras on-line internacionais
iFood estimula pequenos e médios restaurantes a adotarem soluções baseadas em IA
Defensoria Pública do Amapá adota internet de alta velocidade via satélite
Pagamento por aproximação ganha presença no transporte público
Analista e cientista de dados, a profissição mais relevante até 2030
Alpargatas lança aplicativo com treinamentos voltados à capacitação de colaboradores
Blog
Inclusão PcD: Anatel reforça compromisso o ‘setembro verde’
%d blogueiros gostam disto: