Gartner: Inteligência Artificial Generativa está entre as quatro tecnologias transformadoras de 2023

O Gartner posiciona a Inteligência Artificial (IA) Generativa no Peak of Inflated Expectations do Hype Cycle para Tecnologias Emergentes de 2023, projetado para indicar transformações dentro de 2 a 5 anos. A Inteligência Artificial Generativa faz parte do tema mais amplo de tecnologias emergentes, uma tendência importante no atual Hype Cycle e que está criando novas oportunidades de inovação.

“A popularização de novas técnicas de Inteligência Artificial terá um impacto profundo nos negócios e na sociedade”, diz Arun Chandrasekaran, vice-presidente e analista do Gartner. “O pré-treinamento maciço e a escala dos modelos básicos de Inteligência Artificial, a adoção viral de agentes de conversação e a proliferação de aplicativos generativos de IA estão anunciando uma nova onda de produtividade da força de trabalho e criatividade de máquina.”

O Hype Cycle para Tecnologias Emergentes do Gartner reúne informações importantes de mais de 2.000 tecnologias e estruturas aplicadas. Essas tecnologias têm potencial para fornecer benefícios transformadores nos próximos 2 a 10 anos.

Hype Cycle do Gartner para Tecnologias Emergentes 2023 

Fonte: Gartner (Agosto de 2023) 

“Enquanto todos os olhos estão voltados para a Inteligência Artificial, os CIOs (Chief Information Officers) e CTOs (Chief Technology Officers) também devem prestar atenção em outras tecnologias emergentes com potencial de transformação”, disse Melissa Davis, vice-presidente e analista do Gartner. “Isso inclui tecnologias que estão aprimorando a experiência dos desenvolvedores, impulsionando a inovação por meio de Nuvem Generalizada e oferecendo segurança e privacidade centradas no ser humano.”

“Como as tecnologias neste Hype Cycle ainda estão em um estágio inicial, há uma incerteza significativa sobre como elas irão evoluir”, acrescentou Davis. “Tais tecnologias embrionárias apresentam maiores riscos de implantação, mas potencialmente maiores benefícios para os primeiros usuários”.

As quatro principais tendências tecnológicas emergentes apresentadas no “Hype Cycle for Emerging Technologies, 2023” são:

– Inteligência Artificial Emergente: Além da Inteligência Artificial Generativa, várias outras técnicas emergentes dessa tecnologia oferecem imenso potencial para aprimorar as experiências digitais dos clientes, tomar melhores decisões de negócios e criar diferenciação competitiva sustentável. Essas tecnologias incluem simulação de Inteligência Artificial, Inteligência Artificial Causal, Machine Learning  unificada, Data Science, Inteligência Artificial Neuro-Simbólica e aprendizado por reforço.

– Experiência do desenvolvedor (DevX): DevX refere-se a todos os aspectos das interações entre desenvolvedores e as ferramentas, plataformas, processos e pessoas com quem trabalham para produzir e entregar produtos e serviços de software. Aprimorar o DevX é fundamental para o sucesso da iniciativa digital da maioria das empresas. Também é vital para atrair e reter os melhores talentos de engenharia, mantendo a moral da equipe alta e garantindo que o trabalho seja motivador e recompensador. As principais tecnologias que estão aprimorando o DevX incluem engenharia de software aprimorada por Inteligência Artificial, SaaS (Software como Serviço) centrado em API, GitOps, portais internos de desenvolvedores, escritório de programas de código aberto e plataformas de gerenciamento de fluxo de valor.

– Pervasive Cloud: Nos próximos 10 anos, Cloud Computing evoluirá de uma plataforma de inovação tecnológica para se tornar difundida e um impulsionador essencial da inovação empresarial. Para permitir essa adoção generalizada, a computação em Nuvem está se tornando mais distribuída e focada em setores verticais. Maximizar o valor dos investimentos em Nuvem exigirá dimensionamento operacional automatizado, acesso a ferramentas de plataforma nativas de Nuvem e governança adequada. As principais tecnologias que permitem a Pervasive Cloud (Nuvem Pervasiva) incluem FinOps aumentado, ambientes de desenvolvimento em Nuvem, sustentabilidade em Nuvem, Nuvem Nativa, Edge Computing, plataformas de Nuvem do setor e WebAssembly (Wasm).

– Segurança e Privacidade Centradas no Ser Humano: Os seres humanos continuam sendo a principal causa de incidentes de segurança e violações de dados. As empresas podem se tornar resilientes implementando um programa de segurança e privacidade centrado no ser humano, que integra um tecido de segurança e privacidade no design digital da companhia. Numerosas tecnologias emergentes estão permitindo que as empresas criem uma cultura de confiança mútua e consciência dos riscos compartilhados na tomada de decisões entre muitas equipes. As principais tecnologias que suportam a expansão da segurança e privacidade centradas no ser humano incluem Inteligência Artificial TRISM, arquitetura de malha de segurança cibernética, Inteligência Artificial de Segurança Cibernética Generativa, criptografia homomórfica e criptografia pós-quântica.

Tags

Compartilhe

Cobra Kai, O Urso e mais: os principais lançamentos da semana
Flintlock, Kunitsu-Gam e mais: os lançamentos de jogos na semana (14/07)
Missão Plutão: como seria pousar no planeta anão?
A Casa do Dragão: conheça a guerra civil medieval real que inspirou a série
Mi Band 9 pode ter bateria maior e novas opções de cores, sugere vazamento
GTA San Andreas: como fazer a missão 'In the Beginning'?
Lexar Armor 700 é o SSD externo de até 4 TB que resiste até à água - Review
Segunda temporada de As Bruxas de Mayfair: veja trailer, data de lançamento e mais
Os 10 melhores processadores de celular
PS4: confira os principais jogos lançados para o console em 2024