Em disputa acirrada, Claro vence maior licitação federal de nuvem

A Claro venceu a licitação da nuvem organizada por Tribunal de Contas da União (TCU), Controladoria-Geral da União (CGU) e Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o maior já feito por órgãos federais para contratação de nuvem pública. O certame foi disputado também pela Extreme Digital Solutions, pela IPNet e pela Telefônica Brasil.

O edital prevê o fornecimento de “Unidades de Serviços Técnicos de Intermediação para Nuvens Públicas” para prestação de serviços de Tecnologia da Informação (TI) ao longo de 30 meses, prorrogáveis até o limite de 60.

Na primeira rodada, a Claro e a EDS apresentaram proposta igual, equivalente ao preço máximo sugerido pelos órgãos: R$ 286,66 milhões. A IPNet ofertou R$ 291,65 milhões. E a Telefônica Brasil apresentou lance muito mais alto que os demais, de R$ 859,98 milhões.

Nas rodadas subsequentes, todas as empresas baixaram os preços. O menor preço apresentado pela Telefônica foi de R$ 253 milhões, no décimo lance – a disputa teve 72 lances. Tanto Claro, quanto EDS, seguiram baixando os preços. Ao fim, a operadora apresentou proposta de R$ 166,80 milhões, reduzindo assim em 41,8% a oferta inicial. A EDS, por sua vez, baixou em 40,8% sua proposta, que alcançou R$ 169,57 milhões.

A licitação transcorreu na última semana, com a Claro sagrando-se vencedora no dia 14 de agosto. A EDS entrou com recurso, que ainda será analisado.

No recurso, a EDS alega que a Claro apresentou atestados técnicos inadequados pelas regras do leilão. “Nenhum dos atestados da CLARO comprova a execução de serviços, através de demonstração de consumo do contrato por, pelo menos, 12 (doze) meses, correspondentes ao mínimo de 10% (dez por cento) do valor anual estimado para a presente contratação”, diz. A empresa também questiona a regularidade fiscal e trabalhista da operadora e, com isso, pede sua inabilitação.

A operadora tem até o dia 24 para rebater. Em 31 de agosto sairá a decisão definitiva do governo.

O post Em disputa acirrada, Claro vence maior licitação federal de nuvem apareceu primeiro em TeleSíntese.

Tags

Compartilhe

celulares-5g-custarao-r$-500,-diz-claro-na-tim,-e-hora-de-upsell.
Celulares 5G custarão R$ 500, diz Claro. Na TIM, é hora de upsell.
anatel-avalia-fazer-leiloes-de-espectro-em-2025,-2027-e-2029
Anatel avalia fazer leilões de espectro em 2025, 2027 e 2029
bets-ja-concorrem-com-telecom,-avaliam-operadoras
Bets já concorrem com telecom, avaliam operadoras
camara-aprova-projeto-que-amplia-incentivos-a-semicondutores,-paineis-fotovoltaicos-e-celulares
Câmara aprova projeto que amplia incentivos a semicondutores, painéis fotovoltaicos e celulares
cada-real-perdido-em-fraudes-custa-as-empresas-r$-3,59,-aponta-estudo 
Cada real perdido em fraudes custa às empresas R$ 3,59, aponta estudo 
vivo-cria-ia-generativa-para-assistente-do-atendente-de-call-center
Vivo cria IA Generativa para assistente do atendente de call center
ministro-chefe-do-gsi-estima-em-mais-de-r$-1-trilhao-prejuizo-do-pais-com-crimes-ciberneticos.
Ministro-chefe do GSI estima em mais de R$ 1 trilhão prejuízo do país com crimes cibernéticos.
extratos-bancarios-serao-padronizados-pelos-bancos-a-partir-de-8-de-julho
Extratos bancários serão padronizados pelos bancos a partir de 8 de julho
malware-contra-android-faz-espionagem-e-operacoes-de-ransomware
Malware contra Android faz espionagem e operações de ransomware
universidade-de-marilia-vai-construir-polo-tecnologico-especializado-em-ia
Universidade de Marília vai construir polo tecnológico especializado em IA