Servidores Cache gratuitos | AcessoWi-Fi

Servidores Cache gratuitos

Download PDF

Olá amigos!

Vejo muitas pessoas querendo servidor cache mas não sabem qual devem usar. Nesse artigo apresento algumas soluções gratuitas disponíveis na própria web para download e seus respectivos tutoriais.

Começamos com o Lusca Cache, desenvolvido e postado originalmente na Underlinux

https://www.youtube.com/watch?v=biHUJmofH7k

Lusca-Cache Cliente

Melhore o desempenho da internet de seus clientes e desafogue 60% da banda de sua internet.

Para ele funcionar corretamente vá em painel de controle>opções da internet>conexões>configurações lan
Marque a caixa “Usar servidor proxy para a rede local” e adicione o ip 127.0.0.1 porta 8000.
Nesse modo o Mozilla, Chome, Internet Explorer, e outros navegadores e programas, vão procurar pelo proxy padrão de seu sistema.

Veja a imagem:
Clique na imagem para uma versão maior Nome:	         Como configurar o Lusca-cache.jpg Visualizações:	178 Tamanho: 	54,9 KB ID:      	38288

Caso não funcione algumas coisas reinicie seu computador, que ele irá funcionar.

Lusca_for_ComStuff_V2.2.3 x86 x64 Under-Linux

Notas da versão 2.2.3 – 02/09/2012
• Faz Cache do Orkut (por mascaraapj “Andrio Jasper”)
• ads.block desativado (Evita blokeios e bugs em jogos com laucher e problemas em vários sites)
• Versão 2.2.3 requer a versão 2.2.2 Instalada
• Instalação automática (Apenas dois cliques)
• Nenhuma opção removida da versão 2.2.2

Notas da versão 2.2.2 – 23/08/2012
• Strawberry perl 5.16.1.1 32bit e 64Bit
> Ativado para arquivos dinâmicos Youtube, 4shared e Filesonic
• Aceita as duas plataformas x86 e x64 Bit
• Stop SQUID LUSCA tambem desativa o proxy
• Start SQUID LUSCA tambem ativa o proxy
• SquidCheck Atualizado
-> Verifica se estiver internet
> Se não estiver fecha o squid.exe
> Se estiver abre o squid.exe
• Nenhuma opção removida da versão 2.2.1

Notas da versão 2.2.1 – 21/08/2012
• Faz Cache do Youtube
• Faz Cache de Servidores de links pagos “4Shared” e outros
• Alta velocidade de download para Maxima
• Gerador de relatório de conexão em Portugues-BR
• Pasta luscacache na unidade D: fica oculta
• Configura o proxy automaticamente
• Inicia junto com o windows
• Squid.conf configurado para melhor desempenho
• Todas as outras tarefas de cache estão adicionadas
• Espaço para cache total no cliente 10GB

Atenção não fiz este programa sozinho, o Lusca Cache para windows existe desde 09/2011 veja o site official www.lusca.info.
O usuário “th30nly” quem disponibilizou esta versão, eu apenas fiz as alterações citadas acima para uso especialmente nos clientes,
já vai instalar com tudo configurado certinho.

Elaborado por:
MarcusMJM
http://under-linux.org/members/mjmmarcus2/

Agradecimentos:
MascaraAPJ “Idealizador”
http://under-linux.org/members/mascaraapj/

joelson000 “Quem disponibilizou o código fonte para o SquidChek”
http://autoitbrasil.com/index.php?/user/86-joelson0007/

Medabi “Por ajudar no progeto SquidCheck”
http://autoitbrasil.com/index.php?/user/41-medabi/

Agradecimentos a todos que testaram:
http://under-linux.org/members/demattos/
http://under-linux.org/members/givigirj/
http://under-linux.org/members/jolielson/

Novo Fix Update para versão 2.2.3**

Update para versão 2.2.3 na unidade C:
Lusca for ComStuff V2.2.3C FixUpdate Under-Linux.rar 314KB
Update para versão 2.2.3 na unidade D:
Lusca for ComStuff V2.2.3D FixUpdate Under-Linux.rar 314KB

Links para download da versão 2.2.2 está em dois pacotes uma para partição C: e outra para D:
Versão para cache Versão 2.2.2 na unidade C:
Lusca_for_ComStuff_V2.2.2C x86 x64 Under-Linux.rar 137MB*
Versão para cache Versão 2.2.2 na unidade D:
Lusca_for_ComStuff_V2.2.2D x86 x64 Under-Linux.rar 137MB*

Links para download da versão anterior:
Lusca_for_ComStuff_V2.2.1b_rev1 Under-Linux.rar Link 1
Lusca_for_ComStuff_V2.2.1b_rev1 Under-Linux.rar Link 2
Lusca_for_ComStuff_V2.2.1b_rev1 Under-Linux.rar Link 3

* O instalador aumentou por causa do “Strawberry perl x86 e x64” incorporado junto ao instalador só os dois somam uns 120MB
** Requer a instalação da versão anterior 2.2.2 para poder rodar

 

Além dele, um que pessoalmente acho bem interessante é o “Squid Fácil”.

Sobre o Squid Fácil 1.0

          O Squid Fácil é um painel de controle que consegue controlar serviços do Windows onde era difícil e complicado usar o Squid em plataformas Windows.
O Squid Fácil ajuda a iniciar e parar o serviço do SquidNT de maneira fácil e intuitiva, e configura o IE para usar proxy, além disso agora a versão 1.0 consegue gerar relatório usando um arquivo de log de sites acessados, top sites, top downloads e muitas outras informações graças ao “Sarg for Windows”. A versão 1.0 conta também com um squid.conf mais detalhado e explicativo e com alguns recursos que chegam a cachear quase 80% de sites como o orkut, por exemplo.

          O Squid Fácil 1.0 tornou-se a maneira de usar um proxy-cache fácil para usuário final.


 

Squid Fácil Server – Beta

O Squid Fácil Server é uma versão remasterizada o Ubuntu 8.04 já com alguns servidores instalados principalmente o Squid que tem por objetivo ser um Web – Proxy de uma rede, onde podemos por um browser acrescentar configurações no “Squid. conf” e executar alguns comandos no servidor de maneira fácil e visível sem ter que ficar utilizando o um terminal local no servidor.No Squid Fácil você pode bloquear sites, bloquear acesso por IP, bloquear downloads e até mesmo fazer controle de banda sobre ip numa rede de maneira fácil, para administradores iniciantes. O Squid Fácil só funciona por bloqueio, ou seja, tudo é liberado, sites, ips, controle de banda e etc. Você deve aplicar os bloqueios que desejar. O Squid Fácil pode ser usado tanto somente para um Web – Proxy, ou em paralelo com o Mikrotik, tornando ele um Proxy transparente.

 
 
 
 

Squid Fácil 1.0  

Windows XP |  Windows 7

Bug Log   

Checar       

Squid Fácil Beta  

Windows XP |  Windows 7

 

SDK – Projeto  

Download

Squid Fácil Server

Mirror1 |   Mirror2

Microsoft .NET Framework 3.5  

Download

SQUID Original.

Este é um dos que pessoalmente eu prefiro usar pois ele é o verdadeiro SQUID o que garante que caso haja atualização você não tenha dores de cabeça esperando que o desenvolvedor faça a atualização.

Squid é um servidor de proxy de alta performance para clientes web, suportando FTP, gopher e objetos de dados HTTP, ele é desenvolvido para ambientes Unix/Linux e agora também disponível para Windows.

  • Proxy e cache de HTTP, FTP e outros URLs
  • Proxy para SSL
  • Hierarquias cache
  • ICP, HTCP, carpa, digere Cache
  • Cache transparente
  • WCCPv1 e v2
  • Regras de controle de acesso
  • A autenticação do Windows transparente baseado em NTLMv1/v2 e Kerberos
  • Aceleração do servidor HTTP
  • A companhamento SNMP
  • E outras funcionalidades

Agora, vou mostrar como se instala o Squid em um Servidor (de preferência) ou Cliente Windows:
1. Baixe o Squid (2.7.8), descompacte-o de preferência na partição do Windows (c:squid).
2. Renomeie os arquivos:
C:\squid\etc\squid.conf.default ==> squid.conf 
C:\squid\etc\mime.conf.default ==> mime.conf 
C:\squid\etc\cachemgr.conf.default ==> cachemgr.conf

Agora iremos compilar o programa:
3. Abra o Prompt de Comando (Iniciar -> Executar -> CMD).
4. Digite os seguintes comandos no prompt de comandos (Uma linha de cada vez):
cd c:\squid\sbin
squid -z
squid -O
squid -i -f c:/squid/etc/squid.conf -n Squid

Informações:
Squid -z – Cria o diretório de Cache
Squid -O – Adiciona o serviço Squid no Registro do Windows
Squid -i – Instala o serviço Squid usando o arquivo de configuração.

5. Depois de compilar o programa, basta abrir os serviços do Windows (Iniciar -> Executar -> Services.msc) e iniciar o serviço Squid.

Possiveis Problemas:
– Squid não Inicia: O Problema mas comum é esse, isso pode ocorrer caso você não esteja conectado à internet ou que você não tenha configurado corretamente o programa.
– Acesso Negado (nos clientes): Adicione a seguinte linha no arquivo C:\squid\etc\squid.conf:

http_access allow all

Para um melhor desempenho, recomendo apagar todas as linhas do arquivo c:\squidetc\squid.conf, e adicionar somente as seguintes:

1
2
3
4
http_port 3128
visible_hostname Inforlogia (Nome do Servidor)
acl all src 0.0.0.0/0.0.0.0
http_access allow all

http_port – Porta em que o Squid Rodará.
Visible_Hostname – Nome (do computador/servidor) que aparecerá nas páginas de erro do navegador.
acl all src – Faixas de IP que poderão utilizar o serviço squid (entre 0.0.0.0 e 0.0.0.0).
http_access – Permitir acesso à determinadas páginas ou até mesmo à internet (Allow All = Permite Todos, Denny All = Bloqueia todos).

Configurando o navegador:
Agora que você já instalou, configurou e iniciou o squid, basta ir de computador em computador e configurar o servidor de proxy.

Internet Explorer:
Abra o IE -> Ferramentas -> Opções da Internet -> Conexões -> Configuração da Lan -> Usar um servidor de Proxy para Rede local e digite o ip do computador que foi instalado o Squid (em endereço) e porta digite 3128 (o padrão do squid).

Mozilla Firefox:

Abra o Firefox -> Ferramentas -> Opções -> Avançado -> Rede -> Configurar Conexão -> Configuração Manual de Proxy -> Digite seu endereço de IP (em HTTP) em porta 3128 (padrão do Squid) e marque a caixa USAR ESTE PROXY PARA TODOS OS PROTOCOLOS.

Bloqueando sites e determinadas palavras pelo SQUID

Uma das principais funções do Squid é o bloqueio de sites, muito útil em ambiente empresariais e escolares. Você pode criar uma lista negra com várias palavras chaves e assim impedir o acesso da rede a determinados sites e páginas da Web.

A primeira coisa que se deve fazer é criar umarquivo com as palavras chaves que serão bloqueadas:

1 – Crie o arquivo /etc/squid/regra_de_conteudo e nele digite as palavras chaves que serão bloqueadas, exemplo:

01
02
03
04
05
06
07
08
09
10
11
12
13
14
sexoagora
clubedaninfeta
sexo24h
galinhas.com
sexo-brasil.com
xvideos
clubedapunheta
putaria
anal
oral
playboy
boquete
boquetes
porno

2 – Agora, crie o arquivo /etc/squid/acesso_total  e insira nele os IPs que não passarão pelo filtro de bloqueio de URLs, assim podendo acessar qualquer tipo de conteúdo. Exemplo:

1
2
3
4
192.168.254.1
192.168.254.200
192.168.254.100
192.168.254.5

3 – Depois de criar a lista de bloqueios e a lista dos IPs que não passarão pelo filtro, precisamos editar o arquivo squid.conf para que as regras entrem em vigor. Adicione as seguintes linhas ao seu squid.conf:

1
2
3
4
acl acesso_total src "/etc/squid/acesso_total"
acl bloqueios dstdom_regex "/etc/squid/regra_de_conteudo"
http_access allow acesso_total
http_access deny bloqueios

Proxy Transparente em Windows:

Passo a passo para configurar o proxy transparente usando o SoftPerfect Bandwidth Manager:
Vamos começar instalando o Squid NT, use o meu velho tutorial aquihttp://www.inforlogia.com/2010/07/squid-no-windows.html para guiá-lo.

Então você vai precisar modificar o arquivo squid.conf para adicionar a palavras-chave “transparent” após a opção http_port e deve ficar assim:

1
http_port 3128 transparent

Instale o Softperfect Bandwidth Manager e abra-o, em seguida crie uma Porta Mapeada, aqui você deve definir a porta do Squid no servidor. Vá em Tools -> Port Mapping.

Proxy Transparente no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Criando um Novo Mapeamento de Porta

Clique no botão New para criar um novo mapeamento, preencha como o exemplo abaixo.

Proxy Transparente no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Criando Novo Mapeamento de Porta

Depois de criar um mapeamento de porta, você precisa criar uma nova regra para redirecionar todos os pedidos HTTP para a porta 80 do servidor remoto na porta 3128. Clique em Rules (Regras) -> Add Rule(Adicionar Regra). Na aba Geral preencha os campos com os seguintes valores:
Direction: Both
Transfer Rate Limit: Unlimited
Protocol: TCP and UDP
Apply Rule on Interface: LAN

Proxy Transparente no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Adicionando Nova Regra, Aba Geral

Importante! Você deve selecionar a interface (placa de rede) que está ligada à sua rede local (o que conecta ao servidor os outros computadores cliente, e não o conectado ao modem, etc).

 

Na guia Source, defina os seguintes valores:
Source Address (Endereço de Origem): Whole IP Range (Faixa de IP), insira as faixas de IP de seus clientes.
Porta de origem: (Any) Qualquer

Proxy Transparente no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Adicionando Nova Regra, Aba Source (Fonte) 

 

Na guia Destination (Destino) defina os seguintes valores:
Destination Address (Endereço de Destino): Any IP Address(Qualquer endereço IP)
Destionation Port: Port List, em seguida, adicione as seguintes portas: 80 (HTTP) e 443 (HTTPS).

Proxy Transparente no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Adicionando Nova Regra, Aba Destination (Destino)
 

Na aba Advanced marque a Opção Process through the following mapping (Processo através do seguinte mapeamento), dão cheque em “Processo através do seguinte mapeamento” e selecione o mapeamento da porta que você criou antes e clique em OK.

Squid no Windows
Softperfect Bandwidth Manager: Adicionando Nova Regra, Aba Advanced (Avançada)
 

Pronto, agora todos os pedidos para a porta 80 e 443 serão redirecionados para o Squid NT.

 

Referencias: http://www.inforlogia.com
http://under-linux.org
http://squidfacil.mikrotikfacil.com


  • Nosso blog te ajuda? Ajude-nos também!

    Se nosso blog tem lhe ajudado, ajude a manter o site no ar!

  • Meu IP

  • IPv4 e IPv6 no mundo

  • Assinar blog por e-mail

    Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

  • Recursos Online

  • Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.