Cache dinâmico com Squid | AcessoWi-Fi

Cache dinâmico com Squid

Download PDF

Vi muita gente sofrendo com cache SQUID que disseram que não é possível fazer cache dinâmico… pois bem… aqui está a solução:

 

Sites que possuem grande volume de acessos empregam técnicas para dividirem o acesso entre diversos hosts diferentes, isso evita a sobrecarga de acessos a um único host.

Squid, por padrão, não trata isso muito bem, pois ele vincula um objeto a um IP e não a um domínio. O que faremos é exatamente isso.

Daremos como exemplo os sites Youtube, UOL e Google, que são sites grandes que possuem grande volume de acessos.

Primeiramente incluiremos, no mime.conf, a extensão do tipo de arquivo que é empregada no Youtube da seguinte forma:

\.flv$          application/x-shockwave-flash   anthony-unknown.gif     –       image   +download

Agora vamos ao squid.conf fazer o seguinte.

Comente as seguintes linhas:

#hierarchy_stoplist cgi-bin ?
#acl QUERY urlpath_regex cgi-bin \?
#cache deny QUERY

Em seguida crie uma acl, no meu caso eu a chamei de youtube mesmo e acrescente a esta acl tantos domínios quanto forem necessários. Atentem para o seguinte, esta acl deve estar logo abaixo das linhas comentadas, pois a ordem das acls são relevantes.

acl youtube dstdomain .youtube.com .youtube.com.br .uol.com.br .google.com .google.com.br .orkut.com .orkut.com.br
cache allow youtube

Pronto! Agora o Squid se referenciará ao objeto que estiver sob os domínios que estiverem listados na acl youtube, independentemente do host para que a requisição for direcionada.

fonte:http://www.vivaolinux.com.br/dica/Cache-de-conteudo-dinamico-com-o-Squid


  • Nosso blog te ajuda? Ajude-nos também!

    Se nosso blog tem lhe ajudado, ajude a manter o site no ar!

  • Meu IP

  • IPv4 e IPv6 no mundo

  • Assinar blog por e-mail

    Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

  • Recursos Online

  • Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.